Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Dia de Princesas

                                                

 

Ontem foi o dia das princesas, aqui em casa. Tive a honra da presença da princesa B. (a minha priminha) e a da princesa L. (a minha afilhada). Só foi pena os horários terem sido desencontrados.

As duas miudinhas estão o máximo. A B. já ultrapassou a fase do Natal e já está no Carnaval. E até já escolheu a sua máscara: quer vestir-se de noiva. E isto porquê? Porque todos os dias vai ver o vídeo do casamento dos pais e vai admirar o vestido de noiva da mãe. E até o quer experimentar...! Mas a pobre B. ainda tem que crescer mais um bocado: é que nem em cima de uma cadeira o vestido lhe serve!!!

Nos seus planos futuros está tirar a carta de condução. E já tem tudo planeado. Quer um carro azul (sua cor preferida) e grande para levar toda a gente lá dentro. Até o Bóbi e o Pimentinha lá têm o seu lugar reservado! Grande salganhada que havia de ser com estes dois...

A L. está muito esperta e desenvolvida. Passou a noite inteira a cantar-me a canção de Natal que vai apresentar na festa do infantário. E tudo muito direitinho! Cantou para mim, e para o resto da família.

Agora gosta imenso de inventar histórias. Imaginou que estava um bicho debaixo da minha cama e, depois de fazer um grande filme, acabou por ser ela a derrotar o bicho e matá-lo! Se não fosse esta princesa...

Pediu-me para lhe fazer o tótó como o meu (eu estava com o cabelo apanhado com uma mola), e para lhe pintar as unhas... de cor de rosa! Disse-me que a mãe também lhe tinha pintado as unhas desta cor! Como eu conheço bem a mãe e sei que ela não usa verniz, calculei que aquilo fosse mais uma história inventada.

Para rematar a mudança de visual, fiz-lhe uma coroa de papel que ela adorou!

Foi assim que se passou mais um último dia de aulas. Fartei-me de fazer jogos com os meus alunos, que eles adoraram, e ainda recebi 3 prendinhas! Não estava nada à espera...

Parece que, afinal, o meu Pai Natal chegou mais cedo.

Agora só falta o meu princípe encantado, que está a caminho, vir buscar-me para irmos para o nosso castelo altaneiro. E com o meu fiel escudeiro, Pimentinha!